Vinícolas: o que são e como funcionam? Veja tudo nesse guia completo sobre o tema!

Vinícolas: o que são e como funcionam? Veja tudo nesse guia completo sobre o tema!

Você já se perguntou o que são vinícolas e como elas funcionam? Se sim, veio ao lugar certo! Neste post, vamos explicar tudo sobre esse fascinante mundo do vinho.

Primeiro, vamos entender o que é exatamente uma vinícola e se existe diferença entre ela e uma vitivinícola. Além disso, iremos percorrer todas as etapas de produção da terra à taça, desde o plantio das uvas até a comercialização do vinho em si.

Também vamos abordar a diferença entre uma vinícola e um vinhedo, bem como, descobrir o significado de uma vinícola boutique. Sirva a sua taça e prepare-se para mergulhar no universo enológico!

Afinal, o que é uma vinícola?

Vinícola é o lugar onde ocorre a produção de vinhos, independente das técnicas utilizadas ou da origem das uvas. Uma empresa vinícola pode adquirir suas uvas de várias formas, com produtores independentes e até mesmo comprando de outras vinícolas.

No entanto, a maioria das vinícolas não se limita apenas à produção de vinho. Elas são autênticos refúgios naturais e oferecem experiências repletas de emoção para os seus visitantes, como visitas guiadas, degustações, piqueniques, pisa das uvas e, em alguns casos, hospedagens em charmosos chalés ou pipas de vinho.

Existe diferença entre vinícola e vitivinícola?

Embora em muitos casos sejam usados como sinônimos, vinícolas e vitivinícolas têm significados distintos.

A principal diferença é que a vitivinícola cultiva as próprias uvas, ou seja, ela está envolvida em todo o processo de produção do vinho, desde o plantio até o produto final na garrafa, enquanto a vinícola se concentra apenas na produção, independentemente da origem das uvas utilizadas.

A Jolimont, por exemplo, pode se intitular de vitivinícola, pois cultiva suas próprias uvas no terroir do Vale do Morro Calçado, em Canela, no Rio Grande do Sul.

Qual a diferença entre vinícola e vinhedo?

A diferença entre “vinícola” e “vinhedo” reside em suas funções e propósitos na indústria vinícola. Um vinhedo refere-se a uma área de terra onde as videiras são cultivadas para produzir uvas.

É o local onde as uvas crescem e amadurecem antes de serem colhidas e utilizadas na produção de vinho. Cada vinhedo reflete suas características como solo e clima diretamente no sabor e na qualidade das uvas.

Por outro lado, uma vinícola é um estabelecimento ou instalação onde ocorre o processamento das uvas colhidas para a produção de vinho. É onde as uvas são esmagadas, fermentadas, envelhecidas e engarrafadas para serem comercializadas.

A vinícola é onde a magia acontece no sentido de transformar as uvas em vinho, através de métodos complexos e meticulosos, envolvendo técnicas de vinificação, armazenamento e controle de qualidade.

Em resumo, o vinhedo é onde as uvas são cultivadas, enquanto a vinícola é onde o vinho é produzido. Ambos desempenham papéis vitais na criação de vinhos excepcionais, com o vinhedo fornecendo a matéria-prima de qualidade e a vinícola sendo responsável pela transformação dessa matéria-prima em deliciosos rótulos.

Vinícola boutique, o que é?

Uma “vinícola boutique” é uma vinícola de pequena escala que se dedica à produção de vinhos em quantidades limitadas e com um foco especial na qualidade.

O termo “boutique” sugere uma abordagem mais personalizada. Geralmente são vinícolas de propriedade familiar. Uma característica comum nas vinícolas boutique é a tendência em explorar variedades de uvas mais exóticas, o que pode resultar em vinhos exclusivos e com atributos que expressam as particularidades da região em que estão localizadas.

Embora as vinícolas boutique possam ter produções limitadas, elas atraem um público que valoriza a singularidade, a qualidade e a história por trás de cada garrafa. Como resultado, os vinhos de vinícolas boutique muitas vezes têm preços mais elevados, mas oferecem uma experiência de degustação enriquecedora para os apreciadores de vinho.

Quais são as etapas de produção do vinho?

Antes de chegar a mesa de milhões de apreciadores, o vinho passa por várias etapas, desde o plantio até o engarrafamento. Confira os detalhes de cada uma!

Plantio de uvas

O plantio de uvas é uma parte fundamental da viticultura e exige um planejamento cuidadoso para garantir o sucesso da colheita e a alta qualidade das uvas.

A escolha do terreno é crucial, pois as uvas são extremamente sensíveis às condições de solo e clima. Geralmente, elas prosperam em solos bem drenados, com boa aeração e exposição solar adequada.

A topografia do terreno também desempenha um papel importante, uma vez que afeta o escoamento da água e a incidência solar.

Além disso, a seleção das variedades de uvas a serem plantadas é uma decisão crítica. As castas de uvas tintas, como Cabernet Sauvignon e Merlot, e as brancas, como Chardonnay e Sauvignon Blanc, têm diferentes necessidades de crescimento e se adaptam a climas e solos específicos.

O espaçamento entre as vinhas, o sistema de condução das videiras e as técnicas de poda também são aspectos importantes do plantio, influenciando diretamente a produção. O sucesso no plantio de uvas é um equilíbrio delicado entre ciência, experiência, natureza e dedicação, sendo o primeiro passo para a elaboração de vinhos excepcionais.

Colheita

Após o plantio e todo o ciclo de desenvolvimento da uva, que inclui a dormência, a brotação, a floração, o crescimento dos bagos e a maturação, é chegada a tão esperada hora da colheita, também conhecida como vindima.

Trata-se de um momento essencial que determina o teor de açúcar, acidez, sanidade e maturação das frutas. A colheita manual é frequentemente preferida, pois permite uma seleção mais cuidadosa das uvas, garantindo que apenas as melhores sejam escolhidas.

Desengace/Fermentação/Trasfega

Após a colheita, as uvas passam pelo processo de desengace e esmagamento, onde são separadas dos cachos e esmagadas para liberar o mosto (sumo das uvas frescas). O mosto passa então pela fermentação, etapa em que as leveduras naturais ou adicionadas, convertem o açúcar da uva em álcool.

A duração e temperatura da fermentação podem variar, influenciando o perfil do vinho.

Após a fermentação, é feita a trasfega, etapa em que o vinho é transferido para outro tanque, onde os resíduos sólidos, matéria orgânica, bactérias e leveduras se depositam. Este processo evita sabores e aromas indesejáveis no vinho.

Maturação/engarrafamento

O líquido resultante da trasfega pode então ser transferido para maturação em tanques de aço inoxidável ou em barricas de carvalho, se for o caso. Tudo vai depender do objetivo do enólogo, o grande mestre da “receita”.

O tempo de maturação, as condições de armazenamento e o tipo de barrica escolhida (francesa, americana etc.) são fatores que moldam o caráter final do vinho e o tornam único. Vinificar é uma arte que exige paixão, paciência e um profundo conhecimento técnico.

Importante: as condições de temperatura e umidade na cave também são fundamentais para a qualidade, assegurando o amadurecimento harmonioso antes do engarrafamento do vinho.

Envelhecimento/comercialização

O processo de envelhecimento e comercialização é a etapa final na produção de vinho. Após a maturação nos tanques e/ou barricas, o vinho é engarrafado e passa a envelhecer na própria garrafa até o enólogo decidir que está apto para a venda. Tudo é feito com precisão para preservar a integridade do vinho e garantir que ele chegue pleno até a sua casa.

A comercialização, finalmente, envolve a distribuição dos vinhos para mercados e consumidores. As estratégias de marketing, como branding e promoções, desempenham um papel relevante, mas a reputação do produtor é primordial para o sucesso no mercado.

O objetivo é sempre oferecer vinhos que atendam às expectativas dos consumidores e transmitam a história e a cultura da vinícola em cada taça.

Gostou de mergulhar com a gente no fantástico mundo dos vinhos? Até a próxima leitura!

Tim-tim!

Conheça os e-books da Jolimont!

Todos os e-books da Jolimont são para tornar tua experiência em Gramado e Canela a melhor possível. São guias de restaurantes, hotéis e passeios, tudo para te ajudar a programar a viagem perfeita.

CONHEÇA NOSSOS GUIAS

Fique atualizado! Receba nossas ofertas e novidades por e-mail!